quarta-feira, fevereiro 17, 2010

RSVP

Eu tinha escrito todo um texto enorme sobre coisas e pessoas e apaguei tudo pq você quebrou as minhas pernas.

eu poderia não responder mais, mesmo pq em um monte de coisas eu não tenho nada a ver com você, mas vc me cutuca, me instiga, descobre coisas sobre mim como ninguém nunca fez.
Vc admite, e isso faz vc ficar insuportavelmente parecido comigo, vc ADMITE, numa época em que admitir é fraqueza, que ninguém admite nada.
A ordem é fugir, mas eu não consigo seguir essas regras, nem vc consegue.

Você leu muito sobre o que eu era, sabe um tanto sobre quem eu sou, mas será que vc sabe o que eu quero daqui pra frente? Você disse que eu sou do tipo que enjoa fácil (volúvel?), mas eu não conheço ninguém que não seja, vc conhece?

Acontece, meu caro, que aos 30 anos a coisa muda, vc sabe disso pq temos a mesma idade. Não dá pra continuar maluquinha e desapegada, a vida PEDE mais e eu QUERO isso pra mim, portanto não tire conclusões precipitadas.

Você se identifica comigo pelos mesmo motivos, somos dois arrependidos, tivemos a sorte grande na mão uma vez e não aproveitamos, já rodamos consultórios psiquiátricos e tomamos remédio pra depressão como se fosse balinha, descemos ao inferno 150 vezes por dia e voltamos em todas elas com o sarcasmo que nem o capeta seria capaz de ter. A gente procura um amor que não existe e divide essa dor, sabe meu bem, a dor une muito mais as pessoas do que o amor. Os atormentados se atraem, ou vai me dizer que você tem algum amigo com todos os parafusos? Vai me dizer que vc não morre de tédio diante de uma pessoa "normal"?

de qualquer maneira, nós dois sabemos que a magia disso tudo está na distância. Meu nome mora na tua boca só enquanto vc não pode pronunciá-lo numa distância em que eu possa ouvir.

10 comentários:

Anônimo disse...

[...mesmo pq em um monte de coisas eu não tenho nada a ver com você]

Seria assim tão ruim andar de mãos dadas com um cara de 30 anos que ainda usa coque no cabelo comprido, lápis no olho, pinta as unhas e 90% do mundo jura que é beeeeeeeeeesha... mdrrrrrrrrrrrrrrrrrrr

Desculpa mas eu não sei "ser" de outro jeito, eu sou um escândalo ambulante e um constrangimento constante para quem vive ao meu redor. Eu tenho a idade mental de 13 anos, não tem jeito mesmo.

Sua preconceituosa!

;)

Agora vou para o Tranxene que os sintomas já começaram... :(

Não preciso te explicar como é né?

melissa in the sky disse...

Ah, se você curte o visual que usa, quem sou eu pra julgar? Afinal de contas, eu curto o meu e pode ser que vc deteste, acontece ué...

Na verdade eu não ligo, pq eu gosto de gente com personalidade forte, então se vc gosta de usar seu cabelo e suas unhas desse jeito, use!

Mas é verdade que a gente não tem nada a ver nesse ponto, só isso.

Cuidado com tanto Tranxene, hein!
Eu larguei todas as bolinhas por cerveja e cigarros, sei que tbm faz mal, mas eu me sinto menos culpada...

Enfim, bom descanso.

Anônimo disse...

Eu posso até ser um imbecil, mas completo não, porque o seu valor eu conheço!

Bonjour Mon amour ;)

melissa in the sky disse...

ah conhece?

seu primeiro comentário no meu blog foi no texto "06:39 pm" ? Quero saber desde quando a gente tá se falando, pq foi o primeiro que eu vi.

bom dia =)

Anônimo disse...

Olhares acusadores, saliva pura, visão simplista de elacionamentos, ser igual aos outros, brigar e não aceitar.

Aquilo foi uma bofetada na minha cara! Era o post mais recente de um blog virgem e parecia tão direcionado a mim.

Eu já disse e já ouvi aquilo antes de e para pessoas diferentes!

Em relação ao seu 1º comentário aí em cima: "Eu já entendi que não faço o seu tipo e não te condeno por isso. Comigo sempre é 8 ou 80. Não se preocupe! Sempre pode ficar uma boa amizade."

;)

melissa in the sky disse...

Aquele post foi um dos mais intimos que eu já escrevi, me impressionou muito e eu só não respondi aos dois comentários pq eu achei que fosse alguem conhecido.

Eu não me importo com o seu visual, desde que vc tbm não se importe com o meu. Aliás, pra o que a gente se propõe, o visual é o que menos importa, certo?

Anônimo disse...

Não sei mais, a essa altura já não sei mais porque baguncei tudo!

Estou emporcalhando seu blog com um monte de comentários e me sinto invadindo sua privacidade além da conta!

Esse é o último! Por favor delete os outros.

melissa in the sky disse...

Se eu deletar, como é que eu vou reler os comentários que me fizeram sentir viva e importante por pelo menos alguns minutos?

Não vou apagar pq não me incomodo com eles e acredito que ninguem mais se importe.

E se este é o ultimo, quer dizer que vc vai embora?

Sunset disse...

Bah velho, claro que tu conhece alguém que não é do tipo que enjoa fácil... EU. apesar que eu vomito pra caralho né... Tá bom, esquece o que eu falei


=s
=*

melissa in the sky disse...

Por isso que eu gosto de vc Ana...seus trocaddilhos são os melhores.

ahahhahahahaha